Febraban Tech 2023 começa com destaque para Open Finance

Publicado: 27/06/2023

Começou nesta terça-feira (27) o Febraban Tech 2023, o maior evento de tecnologia para o setor financeiro. Este ano, a e-Core está presente junto com a AWS para apresentar soluções que aceleram negócios ao público do evento.

Além de ser uma excelente oportunidade de encontrar os principais players do setor de tecnologia em um único espaço, o Febraban Tech promove discussões de alto nível com líderes da indústria, que compartilham insights e experiências em organizações que estão na linha de frente das transformações do setor financeiro.

Open Finance: expectativa para as próximas fases e mais valor para o consumidor

Tema onipresente nos painéis do primeiro dia de Febraban Tech, o open finance e os seus desdobramentos estão no centro das maiores expectativas do setor financeiro. Com a evolução do movimento para as fases de open investment e open insurance até o final do ano, prevê-se que um novo horizonte de oportunidades se abrirá tanto para instituições tradicionais como para fintechs. As primeiras, promovendo confiança para o consumidor que adere ao compartilhamento de dados, e as últimas trazendo mais agilidade e inovação em soluções que fazem uso criativo do imenso volume de dados coletados no novo sistema.

Helen Child no Febraban Tech 23

Helen Child, CEO da Open Banking Excellence.

Durante o evento, Helen Child, CEO da Open Banking Excellence, enfatizou o quanto o Brasil está na liderança global em relação à velocidade e adesão ao movimento open finance. Segundo ela, o Brasil é visto hoje como um fenômeno e um modelo a ser compartilhado. “Me pergunto se vocês sabem o quanto as pessoas em todo o mundo estão olhando o Brasil. Vocês estão abrindo caminhos globalmente em open finance. O mundo está assistindo ao que vocês estão fazendo”, disse.

Apesar de um cenário otimista desenhado pelos palestrantes no evento, alguns destacaram os desafios que precisam ser enfrentados pelas instituições. Um deles está na entrega de um valor percebido pelo cliente para que ele se motive a consentir com o compartilhamento de dados, já que o consumidor brasileiro costuma ser exigente em relação aos ganhos recebidos após o compartilhamento de informações.

Por isso, Cristina Pina, diretora de engenharia de software do Bradesco, ressaltou a importância crescente de benefícios que sejam perceptíveis, claros, diretos e rápidos, seja por meio da hiperpersonalização de produtos e ofertas, seja pela evolução contínua na experiência durante a jornada do consumidor, com cada vez menos fricções.

Cristina Pina, diretora de engenharia de software do Bradesco

Cristina Pina, diretora de engenharia de software do Bradesco

Além disso, ressaltou-se a complexidade dos dados a serem trabalhados nas fases que se seguirão, já que os sistemas de seguros e investimentos têm ofertas mais complexas e pouco comparáveis. Porém, como disse Aldo Barretella, do Santander, “assim como a dificuldade é grande, também será o ganho”.

Como vimos, os dados estão no centro da estratégia de inovação e crescimento das principais instituições do Brasil e do mundo. E este é o tema da talk realizada pela e-Core nesta quarta-feira (28), às 15h30, no estande da AWS.

Por isso, se você vai estar na Febraban Tech, não deixe de se inscrever no evento do LinkedIn para receber uma notificação próximo ao horário do evento e de nos fazer uma visita no estande da AWS!

Combinamos experiência global com tecnologias emergentes para ajudar empresas como a sua a criar produtos digitais inovadores, modernizar plataformas de tecnologia e melhorar a eficiência nas operações digitais.

Isso pode te interessar:

Notebook com imagem na tela com o texto Como desbloquear o potencial do seu ITSM com IA Generativa